Eslovênia – O lago de Bled

Salve, meus caros eleitores viajantes!

Tudo tranquilo por aí? Fiquei um tempo longe, mas estou de volta para escrever sobre um destino de viagem que tem atraído cada vez mais o interesse dos viajantes de todo o mundo, o lago de Bled, na Eslovênia.

A Eslovênia foi o primeiro país a se separar da antiga Iugoslávia, a primeira das ex-repúblicas iugoslavas a fazer parte da União Europeia e a primeira desse grupo de nações a adotar o Euro. (Uma pena, pois tinha alguns tolares (sim, vocês leu certo: tolares) que sobraram da primeira vez que estive lá e não pude usá-los).

Quando estive na Eslovênia pela primeira vez, em 2005, impressionei-me com a escassez de visitantes. Estive apenas em Ljubljana, sua capital, a qual se encontrava vazia, em pleno verão. Tudo mudou nesses nove anos; da última vez que estive em sua capital, em abril do presente ano, ela recebia muitas pessoas e tinha mudado completamente para melhor, mas sobre a capital falarei mais no próximo post.

Hoje é dia de falar do lago de Bled, situado na cidade homônima, a pouco mais de uma hora de ônibus de distância de Ljubljana e, portanto, uma opção perfeita para um day-tour para os que escolhem a capital somo base para explorar esse belo e pequeno país.

Certamente vocês já ouviram falar ou já viram fotos desse que é um dos lagos mais bonitos do mundo. Confesso que estava com medo de que a propaganda não correspondesse à realidade, mas não. O lugar é realmente incrível e fantástico.

Pegamos o ônibus em Ljubljana de manhã, mas não muito cedo, e chegamos por volta de meio dia à cidade de Bled. A modesta estação de ônibus fica a poucos metros do lago, o qual se encontra atrás dela. Começamos o caminho que circunda o lago indo pela direita, pois assim visitaríamos, já no início do nosso passeio, o castelo de Bled, de onde se tem uma bela vista panorâmica do lago.

SAMSUNG CAMERA PICTURES

02

03

SAMSUNG CAMERA PICTURES

O castelo conta com um museu, um restaurante e uma loja de souvenirs, entre outros. O museu eu não visitei, pois a vista de lá é daquelas de arrepiar e, portanto, gastei metade do tempo apreciando o lugar e a outra metade tentando tirar aquela foto “perfeita” que quase nunca sai. Aviso aos caros viajantes sedentários: para subir até lá é uma escadaria que parece não acabar mais, mas não desistam!!!

SAMSUNG CAMERA PICTURES

SAMSUNG CAMERA PICTURES

Depois de visitar o castelo, continuamos pela direita para contornarmos o lago todo. O grande problema desse lago é que, a cada passo, parece que o cenário fica mais bonito. Portanto, para aqueles que gostam de tirar fotos, recomendo carregar a câmera, o celular e ter bons cartões de memória em ambos. Depois, vocês chegarão em casa e se perguntarão: “Porque tirei tantas fotos iguais?”. Relaxem, é normal!

Quase na metade do percurso, passamos por uma rua onde estavam marcados os nomes de todas as cidades-sede dos Jogos Olímpicos, muito legal! Pouco depois, paramos em um pequeno mercado para comprarmos algo para comer. Não sei se as opções são mesmo poucas em Bled ou se eram poucas devido à baixa temporada. Todavia, durante o percurso, encontramos, além desse mercado, apenas uma tenda onde se vendiam sorvetes e bebidas.

20140417_145017

20140417_151116

SAMSUNG CAMERA PICTURES

SAMSUNG CAMERA PICTURES

Em suma, foi um passeio extremamente agradável, de pura contemplação dessa maravilha da natureza. Aos que se interessarem, é possível pegar um barco para visitar a ilha situada no meio do lago, onde se encontra a igreja da Assunção.

Ademais, a cidade oferece inúmeras opções de passeio ao redor do lago e também dentro dele. Não as recomendarei, pois, como sempre, recomendo tão somente aquilo que vivenciei.

Espero que tenham gostado desse post, meus caros. Provavelmente, esse é um dos meus primeiros post sobre uma atração da natureza, já que sou um cara que prefere concreto, cidades, vida noturna e agito. Todavia, recomendo demais uma visita a esse paraíso esloveno!

Para terminar, indico uma banda eslovena que adoro. Foi a primeira banda daquela região que realmente chamou a minha atenção, a qual escuto até hoje. Essa música chegou a ser toque do meu celular.

Muito obrigado pela visita e até a próxima, viajantes!!!

Anúncios

4 pensamentos sobre “Eslovênia – O lago de Bled

  1. Pingback: A capital europeia que deixa MUITO a desejar. | Viaje por Dois

  2. Pingback: Eslovênia – Ljubljana, uma das menores capitais europeias. | Viaje por Dois

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s